Pular para o conteúdo

Precatórios para investimentos: porque o dinheiro é uma ótima opção para ampliar seu patrimônio

precatório para investimentos

Ter liquidez para decidir onde guardar ou investir seu dinheiro é o sonho de muita gente. Porém, de acordo com dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), apenas 36% dos brasileiros possuíam algum investimento em 2022. Ou seja, 2 a cada 3 pessoas ainda não fez seu pezinho de meia ou guarda algum dinheiro para uma emergência, uma aposentadoria tranquila ou mesmo para garantir a segurança financeira da família. Contudo, muitos não sabem sobre o uso de precatórios para investimentos. Na prática, significa acessar sem parcelas o valor do seu título e, se desejar, aplicá-lo da forma que preferir.

Por isso, para concluir nosso especial sobre o acesso ao crédito sem prestações que é possuir um precatório, a Precato preparou esse conteúdo exclusivo com dicas de como usar seu precatório para investimentos. Acompanhe conosco e boa leitura!

Para acessar os outros conteúdos do especial, clique nos links abaixo.

Porque o precatório é um crédito sem prestações

Financiar casa ou carro com o dinheiro de um precatório

Precatório para pagamento de dívidas

Precatórios para investimentos: porque é uma escolha inteligente

Anteriormente, fizemos um artigo exclusivo com dicas de investimentos para aplicar com o dinheiro do precatório.Entretanto, o objetivo deste texto é apresentar os principais motivos pelos quais acessar seu crédito com liquidez imediata é uma escolha interessante e que pode render ótimos lucros.

Primeiro, porque entendemos que, assim como a maior parte dos brasileiros, é difícil sobrar algum valor no final do mês para que se pense em uma aplicação ou rendimento. Sendo assim, aguardar até que haja um fôlego nas despesas para conseguir separar fundos para investir, pode ficar cada vez mais distante da sua realidade.

Mas não é só isso! Mesmo quando alguém se planeja para começar a investir, há toda uma incerteza sobre qual a melhor opção e como essa fatia do salário pode comprometer a vida financeira da família.

Porém, o que muitas pessoas que possuem um precatório não sabem é que não é preciso comprometer seu orçamento para começar no mundo dos investimentos. Afinal, utilizar um precatório para investimentos é uma forma eficaz de transformar um “papel” em dinheiro de liquidez imediata. Ou seja, ter um recurso extra sem precisar mexer em seus ganhos e despesas atuais. Abaixo, veja os principais motivos pelos quais você pode acessar o dinheiro do seu título.

precatório para investimentos

O precatório já é seu e não consta em seu orçamento

Primeiramente, a decisão de usar o precatório para investimentos não se relaciona a nenhuma mudança em seu planejamento financeiro. Em outras palavras, você apenas transforma um pagamento futuro em dinheiro de modo simples e imediato.

Você não precisa assumir qualquer pagamento recorrente mensal

Outro ponto vantajoso em acessar o crédito imediato que um precatório pode oferecer, é que não há nenhuma parcela para pagar durante determinado período. Ou seja, ao contrário de empréstimos ou economia de parte dos seus rendimentos, você pode usar o precatório como um recurso disponível extra.

Autonomia no uso do precatório para investimentos

Até o momento do seu título ser pago, é impossível utilizar o precatório para qualquer pagamento, garantia ou aplicação. Contudo, ao acessar o crédito disponível a partir dele, você recebe um ótimo valor em dinheiro que pode ser utilizado como você preferir.

Dessa forma, se optar por não usar o precatórios para investimentos, fica a seu critério adquirir um bem, fazer uma viagem, pagar os estudos dos filhos ou mesmo ter um futuro tranquilo com aquela tão desejada reserva financeira. E isso é incrível, não concorda?

precatório para investimentos

Dica bônus: quando você possui um precatório estadual ou municipal

Por fim, acessar o crédito sem parcelas de um precatório para investimentos é ainda melhor se você possui um precatório estadual ou municipal. Afinal, eles não estão contemplados na decisão do STF, que alterou o pagamento dos precatórios atrasados.

Em resumo, essa modalidade de títulos permanece com prazos longos. Por exemplo, no estado de São Paulo, há títulos de mais de uma década em que o pagamento só aconteceu no ano de 2023.

Financiar casa ou carro no Brasil é uma realidade comum para 7 a cada 10 brasileiros. Afinal, o valor de um imóvel ou veículo costuma ser relativamente alto para se pagar à vista.

Contudo, há casos em que a pessoa que busca financiamento possui um precatório para receber e desconhece como essa opção de crédito sem prestações pode ajudar na realização do sonho muito mais rápido. 

Por isso, a Precato dá continuidade ao especial que explica sobre a liquidez imediata de um precatório e como o uso dele pode evitar dívidas ou juros abusivos. Confira conosco e boa leitura!

Optou por acessar o crédito sem prestações do seu precatório? Veja como fazer!

De modo geral, o acesso à liquidez imediata de um precatório acontece a partir do contato com a Precato, que irá fornecer informações completas sobre valores e status do seu título. Para isso, contamos com uma equipe multidisciplinar que irá te orientar sobre o pagamento do precatório em até 1 (um) dia útil após a assinatura do contrato.

Em resumo, você poderá usar o seu dinheiro como preferir, sem precisar enfrentar a burocracia de financiar casa ou carro e podendo usar o valor para uma negociação muito mais vantajosa.

E o melhor? O acesso a esse crédito não gera nenhuma prestação e a decisão de como usar o dinheiro é totalmente sua! E pessoas com precatórios federais, estaduais de São Paulo e Santa Catarina ou precatórios municipais da capital paulistana podem aproveitar essa oportunidade!Quer saber mais?.Entre em contato com um de nossos especialistas! Para outros conteúdos como este, continue conosco aqui no Blog da Precato.

Matheus Alvarenga

Especialista em direitos creditórios e sócio da Precato, empresa líder no Brasil em antecipação de Precatórios Federais. Atua desde 2012 no mercado financeiro, com mais de R$ 1 bilhão intermediados em suas operações.

Recomendados para você
Voltar ao Topo