Deságio: o que é, importância e como calcular [DICAS]

  Matheus Alvarenga   22. fevereiro. 2021

desagio direito

No mercado financeiro, é comum que o conceito de deságio seja associado a uma operação vantajosa, mas ele também pode proporcionar prejuízos.

Assim, é importante entender como essa condição funciona, e qual o impacto que ela pode apresentar em uma negociação.

Dessa forma, você poderá administrar os seus recebimentos com maior autonomia, e prever possíveis situações desfavoráveis.

Pensando nisso, a Precato preparou um conteúdo especial sobre deságio, o que é, qual sua importância e como calcular. Confira!

Afinal, o que é deságio?

Existem diversas definições para o conceito de deságio.

A princípio, no mercado financeiro, significa adquirir um título por um valor menor do que seu preço nominal.

Isso porque diferentes títulos são oferecidos por determinada faixa de preço, que indica o seu suposto valor. No entanto, o mercado é volátil, e cada negociação pode oscilar para valores superiores ou inferiores.

Dessa forma, ao investir em um título por um valor menor do que sua definição nominal, a aquisição teve um deságio.

Entretanto, existe outra definição aplicável para esse conceito. No caso, ele representaria a depreciação de determinada mercadoria em relação ao seu valor de mercado.

Para investidores e pessoas que adquirem um título nessas condições, existe a vantagem de obter um desconto.

Por outro lado, os proprietários desta mercadoria podem ter um prejuízo, pois a venda foi fechada por um preço menor do que o nominal.

Qual a importância do deságio nas finanças?

deságio recuperação judicial

O deságio é um dos principais conceitos que movimentam o mercado financeiro.

Isso porque esse conceito está presente em diferentes campos das finanças, como:

  • Investimentos;
  • Negociação de títulos;
  • Taxa de câmbio;
  • Ofertas no mercado.

Além disso, o deságio pode significar um desconto em relação a determinado produto, mas também desvalorização.

Assim, é importante que pessoas que atuam nessa área entendam o que ele significa e como interfere na oscilação das finanças.

Enquanto isso, o deságio é uma importante ferramenta para proporcionar ganhos para investidores e negociadores.

Afinal, trata-se de uma possibilidade de adquirir títulos por um valor inferior ao que ele vale.

Dessa forma, esse conceito também é importante para quem busca vantagens em aquisições diversas, ou, ainda, para quem procura diminuir os prejuízos em uma venda.

Entenda a relação entre deságio e precatório

A condição de deságio pode não parecer se relacionar com precatórios, mas ambos os conceitos possuem um vínculo direto.

Isso porque, a princípio, o precatório é um título de recebimento, onde o credor possui um determinado valor a receber de um órgão público.

No entanto, esse processo pode demorar meses, e até anos, para ser finalizado, o que adia o pagamento da dívida.

Uma vez que o precatório é um direito de crédito, o recebedor também pode optar por alternativas como vender o seu título.

Nesse caso, uma empresa especializada, como a Precato, realiza a antecipação da operação e permite que o credor venda seu precatório.

Entretanto, essa negociação costuma acontecer em um valor menor do que o título vale. No caso, investidores ou interessados adquirem o documento por um preço mais barato.

Assim, essa operação configura um investimento na condição de deságio, onde existe o desconto na compra do título, e uma desvalorização pela parte que fez a venda.

Essa opção permite que o credor receba o dinheiro mais rapidamente, enquanto o investidor adquire um produto com valorização e correção monetária, por exemplo, porém no longo prazo.

O conceito de deságio é aplicado nessa transação, e pode ajudar a entender a diferença entre o preço de venda e o preço nominal do título.

Conheça os tipos de deságio

deságio sinonimo

Depois de entender melhor o que é deságio, chegou o momento de conhecer alguns dos principais tipos incidentes no mercado.

Dessa forma, será possível exemplificar esse conceito e como ele atua em diferentes situações. Confira:

Deságios de ações

Como o nome indica, o deságio de ações representa a compra de um papel a um preço inferior ao seu valor patrimonial.

Isso acontece por conta de oscilações diárias, e pela volatilidade do mercado onde essas transações ocorrem.

Em um dia, uma ação pode ter seu preço desvalorizado, o que leva os acionistas a investirem por um preço mais em conta.

Dessa forma, é comum que o deságio faça parte desse cenário.

Deságios em títulos públicos

Outro exemplo de deságio em investimentos é através da negociação de títulos públicos.

Aplicações como o Tesouro IPCA+ ou a Taxa Selic permitem que o investidor adquira um título, a partir de uma taxa de rendimento.

No entanto, é possível realizar a venda deste título antes do prazo de vencimento.

Nesse caso, o Tesouro Direto pode fazer a recompra, mas pagando um valor com deságio. Ou seja, um desconto ou uma desvalorização do investimento.

Deságio nas participações societárias

Por fim, também existe a incidência do deságio em participações societárias.

Nesse caso, é conhecido como uma “compra vantajosa”, onde o sócio adquire parte das ações de um investimento por um valor baixo, enquanto os ativos líquidos são excedentes.

Ou seja, os lucros adquiridos com a participação societária superam consideravelmente o valor da associação.

Qual o valor do deságio na venda de precatórios?

A princípio, não existe um valor tabelado que determine o deságio na venda de precatórios.

Isso porque cada negociação se baseia em diferentes atributos, como:

  • Tipo do precatório;
  • Valor a receber;
  • Tempo de espera;
  • Índices de correção monetária;
  • Urgência no recebimento.

Nesse caso, o valor da compra e a diferença para o montante total da dívida podem variar positiva ou negativamente.

Entretanto, o deságio na venda de precatórios costuma oscilar entre 30% e 40% do valor total do título.

Por exemplo, um precatório de R$100 mil é vendido por R$70 mil, havendo um deságio de R$30 mil sobre o documento.

Essa porcentagem não é uma regra, mas é uma faixa comum no segmento.

Alteração no percentual de mercado

Para considerar o deságio de um precatório, é preciso levar em conta a alteração no percentual de mercado.

Esse conceito representa o impacto que a mudança de uma variável exerce sobre outra. Um dos exemplos mais comuns é a lei da oferta e da procura.

Nesse caso, uma maior demanda por um produto faz com que o preço dele se eleve, e a situação oposta também ocorre.

Assim, se um precatório possui elementos que o tornam mais favorável, pode existir uma alteração no percentual de mercado.

Isso também pode diminuir o valor de deságio, uma vez que as propostas podem se aproximar mais do preço nominal do título.

Saiba a diferença entre deságio e ágio

desagio clear

Os conceitos de ágio e deságio são igualmente usados no mercado financeiro, pois representam operações semelhantes.

Enquanto um investimento em deságio indica a compra de um título por um valor menor, a condição de ágio indica uma transação por um valor acima do preço nominal.

Ou seja, trata-se de conceitos opostos. O deságio representa uma desvalorização da compra, e o ágio caracteriza sua valorização.

Por que você deve conhecer o deságio de um investimento?

Entender conceitos como deságio é fundamental para qualquer pessoa que deseja atuar no ramo de investimentos.

Essa condição pode estabelecer uma compra vantajosa, mas também pode indicar os riscos envolvidos nos investimentos.

Além disso, o deságio pode ocorrer em diferentes situações, como, por exemplo, na venda do seu precatório.

Assim, para entender os valores envolvidos durante essa transação, é essencial saber como essa condição funciona, e procurar orientações de profissionais da área.

Com a Precato, todas as condições são explicadas por especialistas, uma delas é o deságio na venda do seu precatório. 

Entre em contato com nossa equipe e veja como realizar essa operação de maneira segura e eficiente.

Matheus Alvarenga

Matheus Alvarenga é especialista em direitos creditórios, com foco em Precatórios Federais. Em 2015 ingressou no curso de graduação em Administração de Empresas na FUNCESI (Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira - MG), no ano de 2019 certificou-se pela StartSe no Executive Program, Economia e Gestão Empresarial. Atua desde 2012 no mercado financeiro, e atualmente é sócio e Gerente Comercial na Precato, empresa líder no mercado de antecipação de Precatórios Federais do Brasil, com mais de 800 milhões de reais intermediados em suas operações.

6 respostas para “Deságio: o que é, importância e como calcular [DICAS]”

  1. Neuza Maria De Oliveira disse:

    Valeu, dicas ótimas.

  2. Luiz Arnaldo Napoli disse:

    Ótimas informações e bem esclarecidas gostei muito. Obrigado

  3. José Martinez Rodriguez disse:

    Tenho a receber de precatórios da União, já julgados, valor de aproximadamente, R$260.000,00. Em que condições posso antecipar o recebimento desse valor e o custo para tal?

    • precato disse:

      Olá Sr. José, boa tarde. Tudo bem?

      A Precato atua com processos do Brasil inteiro, por isso todos os dias atendemos centenas de pessoas.

      Portanto, para conseguir te ajudar precisamos analisar em detalhes o seu processo.

      Entre em contato conosco em um dos nossos canais de atendimento para podermos ajudar.

      Pode ficar à vontade para nos ligar pelo 0800 024 4250 ou através de nosso Whatsapp .

Secured By miniOrange